Bruno Fernandes e João Pinho de Mello são indicados para diretorias do BC

MP que dará verba de loteria a Segurança, Cultura e Esporte é sancionada
12 de dezembro de 2018
Acordo Mercosul-UE fracassa e negociação dependerá de governo Bolsonaro
14 de dezembro de 2018
Exibir tudo

Mello é Secretário de Política Econômica da Fazenda e Fernandes é responsável pela mesa de renda fixa proprietária do Itaú Unibanco

Institucional -
access_time

13 dez 2018, 18h27

Pessoas - São Paulo – A equipe de transição de economia do governo do presidente eleito Jair Bolsonaro anunciou nestahoje (13/12) os nomes de dois novos diretores para o Banco Central.

Comercial - O economista Bruno Serra Fernandes será indicado para ocupar a Diretoria de Política Monetária.

Sustentabilidade - De acordo com a nota, ele é mestre em economia pela Universidade de São Paulo (USP) e atualmente é responsável pela mesa de renda fixa proprietária do Banco Itaú Unibanco, banco onde exerceu ainda o cargo de gerência de portfolio na diretoria de Banking e Tesouraria Externas.

Serviços - Teve passagem pelo BankBoston como estrategista de renda fixa nas diretorias de Asset Liability Management & Treasury e Gestor de Recursos para fundos multimercados.

Gerenciamento de Risco - João Manoel Pinho de Mello será indicado para ocupar a Diretoria de Organização do Sistema Financeiro.

Contato - Ele hoje acumula os cargos de Secretário de Promoção da Produtividade e Advocacia da Concorrência e Secretário de Política Econômica do Ministério da Fazenda.

Carga Excedente - De acordo com a nota, Mello possui graduação em Administração Pública pela Fundação Getúlio Vargas (EAESP-FGV), mestrado em Economia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio) e PhD em Economia pela Stanford University.

Fonte: https://exame.abril.com.br/economia/bruno-fernandes-e-joao-pinho-de-mello-sao-indicados-para-diretorias-do-bc/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *